Outubro 2016

Que dia lindo está hoje! Um quente e belo dia de sol em finais de outubro. De hoje para amanhã já muda a hora. Às duas da manhã poderemos colocar os relógios na 1h. Para nós, cá em casa, isso não significará que vamos dormir mais uma hora, pois não somos do género dorminhoco, e o Eme até já disse: "Ok, quer dizer que amanhã acordas às 5h." :-D Mas num fim-de-semana como este – que sabemos que não teremos muitos mais assim daqui para a frente – o que é que podemos e devemos fazer (para além de sair de casa, dar um passeio em família, tomar um cafezinho ao ar livre,...

Hoje foi dia de decorar a parede de cortiça! Iupiii! A Ca escolheu todos os desenhos, bilhetinhos e outros papelotes importantes para ela, enquanto que a mãe sugeriu alguns sapatinhos de bebé guardados há muito. Adorámos este trabalho em conjunto!...

Têm-nos perguntado onde compramos a madeira com que fazemos os nossos projetos, onde arranjamos uma boa tinta para paredes, onde adquirimos as nossas ferramentas e, por isso, resolvemos fazer este artigo – as cinco lojas que mais frequentamos e onde fazemos muitas das nossas compras. Não quer dizer que esta listagem não venha a mudar. É natural que, de hoje para amanhã, descubramos outras que fornecem os mesmo produtos, com a mesma qualidade e a preços mais baratos...

Ora aqui está um FVM de uma tarde (Faça Você Mesmo ou DIY, como queiram). A cabeceira da cama é um elemento fundamental na decoração do quarto. É o que dita o ambiente. Dependendo do que se pretende, pode-se decorar com mensagens e ilustrações em recorte vinil para uma decoração espirituosa, com cortinas para dar profundidade ao quarto e para uma decoração mais cenográfica, com um poster para conferir um aspeto pop, com espelho e molduras dourados para um ambiente glamoroso, com um velho espelho "da avó" em vime para um ambiente vintage e despretensioso,...

Estou na fase mais difícil do destralhanço. Aquela em que temos que dizer adeus às coisas das quais gostamos, mas para as quais já nem olhamos. Não vale a pena manter uma coisa aprisionada connosco se não é utilizada ou valorizada, certo? Hoje disse adeus à minha impressora de tantos anos. Adorava-a, mas já usava muito pouco, cada vez menos...

Este ano achámos que estava na hora da nossa pequena crescer mais um bocadinho e tornar-se mais responsável. Que isto de andar sempre a definir os seus momentos de estudo, estar sempre a dizer "Tens que estudar", perguntar todos os dias "Não tens trabalhos para fazer?", lembrar "Hoje temos que estudar para o teste não-sei-de-quê" e ter que fixar o seu calendário de testes e trabalhos...