Ilustração

Há muito que os nossos primos diziam: "Um dia tens que fazer uma pintura numa das paredes lá em casa! Quando tivermos um bebé vamos querer uma ilustração pintada por ti, na parede." Bom, e eis que chegou a hora. O Gonçalo está muito confortável na barriga da mãe, mas prestes a vir conhecer o resto da família e o nosso mais recente projeto ficou concluído bem a tempo do seu nascimento. O quarto estava quase pronto para o receber, mas faltava ainda o elemento central, mágico e "fofinho" (como a mãe nos indicou), feito especialmente para este bebé, a tal pintura na parede. Só que, depois de muito pensarmos, considerámos que pintar a parede não era a melhor solução. A decoração de um quarto é efémera, altera-se com o crescimento das crianças, com a mudança dos estilos e das modas, e repintar, um dia mais tarde, uma parede que levou algumas camadas de tinta acrílica artística, não iria dar bom resultado. Seria preciso lixar a parede, pois este tipo de pintura tem relevo e textura, dar várias demão de tinta até desaparecerem as manchas e a arte perder-se-ia para sempre. Vinilar a parede também não nos pareceu bem. Ficaria um trabalho mais impessoal, mecânico e menos personalizado; além de que arrancar o vinil, mais tarde, daria cabo da parede e, mais uma vez, a obra perder-se-ia. Assim, arranjámos esta solução de recorte e pintura em MDF Hidrófugo, com envernizamento mate. O resultado foi uma peça mais dinâmica e tridimensional, possível de ser retirada ou recolocada noutro espaço e, ainda assim, ser um objeto artístico especial.     O tema foi desenvolvido com base no pedido – "mágico" e "poético", e não marcadamente masculino ou feminino. A cor base da parede já tínhamos decidido em conjunto. Seria um creme suave com uma pitadinha mínima de magenta; fomos à Robbialac da Parede, onde três(!) funcionários nos receberam com a maior atenção (muitíssima paciência!) e mandámos fazer a cor, a partir do catálogo (REP COR N201-1). As cores da ilustração foram pensadas tendo em conta o gosto dos pais, a decoração já presente no quarto (em azul, creme e branco); As estrelas brancas (puxadores) da cómoda saltaram para a parede e pintalgaram-se de prata, o prata do balão e da...