Roupeiros organizados

Roupeiros organizados

Estou tão contente por ter concluído a organização dos roupeiros e poder partilhar isso convosco! Tão, mas tão contente! É que não foi tarefa fácil e havia a imposição de ter que ficar concluída este mês. Atarefados, como todos (os três) temos andado, não pude exigir muito a nenhum de nós e, por isso, cheguei a pensar que não conseguiríamos terminar. À Cá apenas pedi que esvaziasse o seu roupeiro e que selecionasse a roupa que ainda veste. Eu tratei de fazer a limpeza e de a voltar a arrumar. Ao Marcelo apenas pedi – num bocadinho e depois de lhe colocar toda a roupa em cima da cama – que selecionasse o que já não usa. Da disponibilidade deles, apenas precisei de uma hora de cada. A tarefa maior ficou para mim, ao longo das últimas três semanas, a limpeza e organização, distribuídas da seguinte forma:

  • limpeza das roupas – aproveitando o horário noturno para colocar a máquina a lavar, estendendo de manhãzinha, passando a ferro com ajuda externa (6h) e arrumando ao fim-de-semana (meio dia para cada roupeiro, um dia para o meu 🙂 que precisava de gavetas novas para substituir prateleiras);
  • limpeza dos armários, prateleiras e gavetas (cada um de nós tem o seu roupeiro, 1/2h para cada);
  • comprar o que precisaríamos para reorganizar tudo (umas horas, talvez quatro, no total);
  • organizar novamente a roupa (1h em cada um dos roupeiros deles e 4h no meu)

Atenção que estes tempos estão abaixo do normal pois os nossos roupeiros já tinham sido organizados e muito destralhados no passado, tratando-se, agora, apenas de um reajuste com alguns melhoramentos, aproveitando a mudança de estação.
Por agora deixo-vos apenas com algumas imagens do nosso closet e tentarei, noutro artigo, debruçar-me sobre os detalhes de organização e dobras de roupa.

Nenhum de nós é acumulador e nenhum tem roupa em excesso. Aliás, ao longo dos últimos anos  aprendemos a apreciar “o essencial”. O nosso atleta tem apenas um devaneio: guardar todas as t-shirts de corrida de todas as provas em que participou, o que já dá três caixas cheiinhas! Fora isso, é bastante comedido nos restantes bens. Eu, imponho como limite a área (respirável) do meu roupeiro: se não cabe mais, algo terá que sair. A Cá, por força do crescimento, tem que ir retirando peças que já não servem para colocar novos tamanhos.

Este quarto já foi o quarto da Cá. Trocámos com ela há cerca de um ano. está a precisar de uma pintura nova (e de retirar aquele azul da parede, mas ainda não será desta…).
O roupeiro do Marcelo é aquele que se vê de frente, o meu é o de três portas de correr brancas, à direita. Na foto abaixo, um despenseiro (adaptado) serve para arrumar malas e outros artigos pessoais variados.

Porque um roupeiro não tem que ter só roupa, sapatos e malas, também pode ser inspirador, e ser decorado com os nossos cremes favoritos, acessórios, fotografias, quadros, posters ou plantas. Por outro lado, aquilo que utilizamos diariamente deve ficar muito acessível.

O despenseiro foi prolongado para a direita com prateleiras – recordam-se deste artigo? – onde, agora, coloco os produtos de beleza e maquilhagem.

Estes ganchos da La Redoute são lindos! E, claro, junto a qualquer roupeiro ou closet não pode faltar um espelho de corpo inteiro.

Junto á porta ficam aqueles artigos que coloco mesmo antes de sair: lenços, echarpes, chapéu,… Na organização do roupeiro tenho sempre em conta o percurso natural das nossas rotinas: cremes e desodorizantes perto das primeiras peças de roupa que vestimos, cintos idem; maquilhagem, acessórios e malas logo a seguir e, à saída, lenços, cachecóis, echarpes, óculos e chapéus. E toca a correr para ir trabalhar!…

No final, isto é o que eu penso: vale mesmo a pena investir o nosso tempo a organizar a casa. O que nos poupa diariamente (dinheiro e tempo), o cansaço que nos evita ao longo dos anos e a alegria que é para os nossos olhos e para as nossas cabeças… vale todo o esforço!

Espero que tenham gostado deste artigo, que de alguma forma seja inspirador e que fiquem connosco nesta empreitada da organização até ao final do ano.

Da minha parte, tratarei de publicar mais detalhes durante a semana.

Carlota

Sem comentários

Publicar Comentário