Jarra para flores ou centro de mesa · DIY

Jarra para flores ou centro de mesa · DIY

Olá!
Há muito que não tínhamos um diy por aqui.
Deixo-vos este, já que estava prometido e é um ótimo entretenimento para um fim-de-semana de chuva, passado em casa, entre bolos e cházinho.
Não é bem uma jarra, mas um conjunto de três. Pode ser um centro de mesa (como usei no Natal) ou uma peça decorativa em qualquer divisão de casa.
Eu acho-a linda e, mesmo tendo sido construída em balsa (uma madeira bem mole, normalmente utilizada para fazer maquetes), está mais resistente do que pensei que ficaria.

Andei muito tempo com esta peça desenhada na minha cabeça. Inicialmente, iria fazê-la em pinho mas, quando tive finalmente tempo para me dedicar a ela, faltava a vontade de pegar em ferramentas “pesadas” (sim, há dias em que até uma simples serra me faz desistir de uma ideia). Por isso, decidi fazer esta peça em balsa e com ferramentas tão básicas como um x-ato.
Já sabem que adoro fazer jarras a partir de garrafas de água de vidro… ♥ …e que temos várias por casa e no atelier.

Estes diy são tão simples que qualquer um pode fazer. Não é necessária nenhuma habilidade especial.
Deixo-vos aqui as instruções desta versão, passo a passo.

 

Material

– uma ripa de balsa de 1cm de espessura (10cm de largura e 48cm de comprimento);
– três garrafas de vidro
– cola de balsa (cola branca também dá)
– x-ato
– lixa
-lápis e régua
-compasso (opcional)
-verniz ou tinta acrílica para acabamento

Como vêem, são muito poucos materiais e ferramentas simples. Vamos, então, ao primeiro passo: com o x-ato, cortar a ripa de balsa em quatro partes – duas peças de 35cm e duas peças de 6,5cm.

Com as peças cortadas, procedemos da seguinte forma:

  1. Numa das peças de 35cm, marcamos três círculos com um diâmetro igual ao das garrafas de água. Eu usei um compasso e marquei os círculos, centrados e à mesma distância uns dos outros, com 6,5cm de diâmetro, exatamente a medida das garrafas. É que a seguir vamos cortá-los e lixá-los e ainda alargam um pouco.
  2. Fazer um primeiro rasgo, suave, com o x-ato, só para ir cortando por passagens para que o corte não fuja.
  3. Retirar os três núcleos dos círculos desenhados. O corte redondo e profundo com o x-ato nunca fica muito perfeito mas o passo seguinte melhorará o corte.
  4. Lixar o interior dos círculos, arredondando as arestas. Experimentar passar as garrafas. Se tiverem ficado muito justos, vai-se também alargando à medida que se vai lixando.
  5. Coloca-se um fio de cola na extremidade da ripa lisa de 35cm (a que não tem os cortes dos círculos), por cima (não de lado).
  6. Coloca-se um fio de cola numa das peças de 6,5cm e adere-se à ripa.
  7. O mesmo se faz do outro lado.
  8. Fecha-se a peça colando, por cima, a ripa com os círculos.

 

Para tornar a madeira mais resistente, envernizei com verniz incolor, mas podem deixar como está (mais natural mas menos resistente) ou pintar a vosso gosto.
E já está! Muito simples.
Agora, é só colocar as garrafas de vidro com ou sem água, com flores secas ou frescas.


Espero ter deixado aqui um bom projeto de fim-de-semana.
Se tiverem dúvidas, é só perguntar (aqui, no Instagram ou no Facebook).
Vão lá buscar essa ripa de balsa e divirtam-se!

Carlota

5 Comentários
  • Rita Gonçalves
    Publicada às 15:21h, 20 Janeiro Responder

    Tão bonito que ficou!

    • Carlota
      Publicada às 17:37h, 20 Janeiro Responder

      Obrigada! Até dá para fazer com os teus meninos! 😉

  • Luísa Barbosa
    Publicada às 22:37h, 21 Janeiro Responder

    Tão bonitinho! Gosto tanto de garrafas, tanto, que nao tenho onde as pôr; guardo todas as que são diferentes. Também faço delas jarras.
    Beijinhos.
    Luísa

    • Carlota
      Publicada às 11:06h, 22 Janeiro Responder

      É não é? Também tenho uma “queda” por garrafas. 😀

  • Anabela
    Publicada às 10:00h, 14 Fevereiro Responder

    Não conheço esse material mas vou passar a conhecer 😀 Adorei o projecto. Tão simples e tão bonito ao mesmo tempo. Obrigada por esta partilha maravilhosa 🙂
    Bjs

Publicar Comentário